Arquivo do blog

Raia Drogasil compra Onofre da CVS

A rede de farmácias Raia Drogasil anunciou na terça-feira dia 26/02/19 a compra da rede Onofre, controlada antes pela gigante americana do varejo farmacêutico CVS Health.

A Onofre tem hoje 50 lojas, 47 delas no estado de São Paulo, além de duas no Rio de Janeiro e uma em Minas Gerais, segundo comunicado da Raia Drigasil. Em 2018, atingiu receita bruta de R$ 479,4 milhões. A CVS adquiriu o controle da rede Onofre em 2013, quando o varejo farmacêutico brasileiro passava por um momento de consolidação. Nos anos anteriores, o setor havia registrado fusões relevantes —entre Droga Raia e Drogasil, em agosto de 2011, e entre Drogarias Pacheco e Drogaria São Paulo, semanas depois. A Raia Drogasil encerrou o ano de 2018 com 1.825 lojas em operação, uma participação de mercado de 12,9% no país e receita bruta de R$ 15,5 bilhões, segundo sua divulgação de resultados financeiros.

No comunicado desta terça-feira, a Raia Drogasil destacou a importância da Onofre para o comércio online. A  peração ainda precisa passar pela aprovação do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). Leia mais ›


Palavras-chave , , , , , , ,
Mercado farmacêutico





Vigilâncias sanitárias ganham sala especial na Anvisa

O ambiente preparado para os integrantes do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS) tem o objetivo de estreitar a comunicação entre todos os membros do sistema.

Tendo como lema “Nós somos o sistema”, a Anvisa inaugurou, nesta quarta-feira (3/4), a sala de acolhimento para o Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS). O principal objetivo da criação do ambiente, localizado no 1º andar do bloco D da sede da Agência, em Brasília (DF), é receber os integrantes do SNVS com toda a infraestrutura disponível, para proporcionar um melhor aproveitamento da presença do SNVS na Agência.

O projeto também tem o intuito de estreitar a comunicação entre todos entes envolvidos com as ações de da vigilância sanitária. Além disso, aumentar a participação do SNVS nas discussões técnicas da Anvisa por meio de espaços exclusivos de debates para seus integrantes.
Leia mais ›

Mercado farmacêutico





Lotes de medicamentos Diprivan e Depakote são suspensos

diprivan depakote

Dois recolhimentos de medicamentos foram publicados pela Anvisa nesta quarta-feira (10/1). Nos dois casos o recolhimento foi comunicado pelos próprios laboratórios que identificaram problemas com seus produtos.

O primeiro recolhimento é do medicamento Depakote Sprinkle da empresa Abbott Laboratórios do Brasil Ltda. O motivo foi um erro na impressão da data de validade do medicamento. Serão recolhidos seis lotes. O Depakote é utilizado para o tratamento de convulsões.

Leia mais ›


Palavras-chave ,
Mercado farmacêutico





Transformação Digital em Saúde: desafios e perspectivas

Transformação Digital em Saúde: desafios e perspectivas

Na semana passada, fizemos parte da Futurecom com uma discussão sobre transformação digital na Saúde. A Futurecom é o maior evento de TI e Telecom da América Latina, e é organizado pela Informa Exhibitions, mesma empresa que realiza o Saúde Business Fórum, Feira Hospitalar e Healthcare Innovation Show. A ideia é promover uma discussão cross sobre os principais temas de interesse nas indústrias, no caso, tecnologia e saúde.

Para a moderação, tivemos Gauthama Nassif, Gerente Comercial de TI em Saúde, UBM Brazil, parte do Grupo Informa e, como participantes da mesa, contamos com Thiago Júlio, Gerente de Inovação e Curador do Cubo Health – DASA, Ricardo Santoro, CIO do Hospital Israelita Albert Einstein e César Dominguez, CEO da Axismed.

“Estamos saindo de uma saúde homogênea para começar a pensar em saúde populacional, ter dados e processos suficientes para, em seguida, atingir uma saúde personalizada e preditiva. Em termos de point of care, estamos saindo de um modelo hospitalocêntrico para um modelo de mais cuidado de transição, cuidado em casa, nas empresas e em outros locais”, contextualiza Gauthama no início do debate. Leia mais ›

Mercado farmacêutico





Faculdade discute novo marco regulatório sobre suplementos alimentares

Nova regulamentação irá melhorar acesso dos brasileiros a suplementos mais seguros e de qualidade

Nova regulamentação deverá melhorar acesso dos brasileiros a suplementos mais seguros e de qualidadeBru-nO / Pixabay / CC0 Creative Commons

No próximo dia 31, será realizado o seminário O novo marco regulatório sobre suplementos alimentares, organizado pelo Departamento de Alimentos da Faculdade de Farmácia, com apoio da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

O processo de regulamentação, as mudanças na categoria de medicamentos específicos e os probióticos são alguns dos temas abordados. O seminário será ministrado pela servidora da Anvisa Simone de Oliveira Reis Rodero, especialista em regulação e vigilância sanitária.

De acordo com a organização, a nova regulamentação para os suplementos alimentares, publicada em julho deste ano, deverá melhorar o acesso dos consumidores brasileiros a produtos seguros e de qualidade e reduzir a desinformação causada pela veiculação de afirmações sem comprovações científicas.

O evento, gratuito e aberto a todos os interessados pela temática, será às 14h, no auditório Aluísio Pimenta, da Faculdade de Farmácia, no campus Pampulha. Não é necessária inscrição prévia.

Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais

Mercado farmacêutico





Vacinação oferecida pela primeira vez nas farmácias

Serviço de vacinação é oferecido pela primeira vez em farmácias

O serviço de vacinação passou a ser oferecido pela primeira vez em farmácias de Mato Grosso do Sul. Por enquanto, segundo o Conselho Regional de Farmácia (CRF), apenas uma unidade, que foi a primeira a aderir, inaugurou sala apropriada para o serviço. Antes restrita a clínicas e hospitais, a vacinação para várias doenças ganhou aval para ser feita em drogarias do País inteiro, em dezembro do ano passado.

A possibilidade foi garantida em resolução aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). “O profissional farmacêutico ganha mais um campo de atuação e a população é beneficiada com isso, facilitando o acesso à imunização. Esperamos que mais farmácias possam se adequar, para também oferecer o serviço”, disse a presidente do CRF, Kelle Slavec. Leia mais ›

Mercado farmacêutico





Vale a pena abrir uma farmácia?

(Texto atualizado em 15/04/2019 às 12:59 pm)

Este post aborda o questionamento comum entre empresários que olham para o setor performando bem e se perguntam se vale a pena investir para surfar essa onda, entrando no ramo ao abrir uma farmácia.

Vamos analisar algumas das características do varejo farma, de forma a permitir avaliar melhor se vale ou não vale a pena trabalhar com farmácia no Brasil. O mercado farmacêutico é promissor e tem muito potencial, mas também possui também muitos desafios a serem encarados.

Crescimento marcante

Segundo a FEBRAFAR em 2018 o mercado de farmácias e drogarias faturou R$120.331.216.266,40 (120 bilhões e 331 milhões de reais) e ainda mais impressionante, cresceu 11,76% em faturamento em comparação com o ano de 2017.

Em 2017, o crescimento já havia sido 12% maior comparando com 2016, em um país que se desenvolve a 1% ou 2% ao ano (variação do PIB do Brasil no período). Segundo a Febrafar, é um mercado ainda promissor que vem crescendo constantemente na faixa de dois dígitos. A tendência favorável é clara e forte. Leia mais ›


Palavras-chave ,
Mercado farmacêutico





Anvisa aprova medicamentos para câncer de mama e asma

kisqali

(Texto atualizado em 02/04/2019 às 12:43 pm)

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, nesta segunda-feira (30/07), mais dois produtos farmacêuticos para comercialização no mercado nacional. Um deles é o medicamento novo Kisqali (succinato de ribociclibe), indicado para uso em combinação com um inibidor de aromatase para o tratamento de câncer de mama localmente avançado ou metastático, em mulheres na pós-menopausa. O outro é um produto biológico novo, chamado Cinqair (reslizumabe), indicado como terapia adjuvante de manutenção em pacientes adultos com asma eosinofílica grave. Confira mais informações abaixo.

 

Novo produto

O Kisqali tem indicação de uso para pacientes que tenham receptor hormonal positivo e receptor para o fator de crescimento epidérmico humano tipo 2 (HER2) negativo, como terapia inicial endócrina.

O novo produto será comercializado na forma farmacêutica de comprimido revestido, com concentração de 254,4 miligramas (mg) de succinato de ribociclibe (200 mg de ribociclibe). Será fabricado pela empresa Novartis Singapore Pharmaceutical Manufacturing PTE. LTD, em Singapura, e a detentora do registro no Brasil é a Novartis Biociências S.A. Leia mais ›

Mercado farmacêutico





Fiocruz terá centro de fármaco na UFRJ para estimular produção de insumos

producao medicamentos

(Texto atualizado em 02/04/2019 às 12:42 pm)

Um centro de pesquisa em fármacos será instalado no Parque Tecnológico da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), na Ilha do Fundão, zona norte do Rio de Janeiro. O acordo foi assinado hoje (6) com a Fiocruz para a implantação do Centro de Referência Nacional em Farmoquímica, do Instituto de Tecnologia em Fármacos (Farmanguinhos/Fiocruz).

O acordo é o primeiro passo para que a Fiocruz possa contratar o projeto executivo do Centro. A previsão é que o projeto seja feito em 2017 para o prédio ser construído em 2018 e os cientistas começarem a trabalhar no local a partir de 2019.

O objetivo é desenvolver Insumos Farmacêuticos Ativos (IFA), ou seja, princípios ativos para medicamentos, com prioridade para tratamento de males antigos, mas que ainda hoje atingem a população brasileira – como malária, esquistossomose e leishmaniose – chamadas de doenças negligenciadas. Leia mais ›


Palavras-chave
Mercado farmacêutico





Asseptgel Amazônia tem lotes suspensos

ASSEPTGEL

A Anvisa determinou determinou a suspensão de diversos lotes do Asseptgel Amazônia Copaíba, fabricado por Lima & Pergher Indústria, Comércio e Representações Ltda. A medida vale para todos os lotes do produto que tragam em seu rótulo o prazo de validade de três anos.

A medida foi adotada após a emissão de uma laudo pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Distrito Federal que identificou o problema com os rótulos do produtos.

 

A empresa fabricante também deverá fazer o recolhimento do produto do mercado.

Confira a Resolução na íntegra.

Fonte: Anvisa


Palavras-chave ,
Mercado farmacêutico





Pfizer visa liderança no tratamento de câncer de mama

Pfizer visa liderança no tratamento de câncer de mama

(Texto atualizado em 27/03/2019 às 01:27 pm)

Medicamento Talzenna, aprovado pela FDA, impressiona pelos resultados clínicos

Em 16 de outubro último, a agência norte-americana Food and Drug Administration (FDA) anunciou a aprovação do Talzenna, da Pfizer (talazoparibe). Apesar da chegada tardia da Pfizer neste mercado, segundo a consultoria Global Data, há caminhos para que este medicamento assuma a liderança entre os tratamentos de câncer de mama com a molécula conhecida por inibidor da polimerase (PARP).

O Talzenna foi aprovado para o tratamento de pacientes com câncer de mama metastático localmente avançado ou metastático HER2-negativo ou suspeito de HER2-negativo. Este medicamento da Pfizer é o quarto inibidor da PARP a ser aprovado nos Estados Unidos, e o segundo sancionado para o tratamento de pacientes com câncer de mama após o Lynparza (olaparibe), da AstraZeneca. Leia mais ›

Mercado farmacêutico





Revolução digital é realidade e não expectativa futura

(Texto atualizado em 27/03/2019 às 01:26 pm)

Indústria farmacêutica precisa utilizar os dados que têm em mãos de maneira estratégica, para antever necessidades que nem seus clientes sabem que têm

Por Gustavo Godoy

A era digital é agora e não uma realidade distante de um filme de ficção científico. Com um universo inteiro à distância de um clique, já mudamos o modo como consumimos, nos deslocamos, nos hospedamos e até como buscamos novos relacionamentos afetivos. Ainda assim, há quem resista à urgente necessidade de adaptação.

Enquanto os motoristas de táxi continuam esbravejando contra o Uber, o Aplicativo (app) e concorrentes semelhantes seguem ganhando adeptos, sem se abalar com os protestos. Cada setor, empresário ou executivo deve escolher a postura que terá diante de uma transformação digital já vigente. O que devemos fazer então? Fincar os pés nos tempos analógicos ou ser o agente da mudança que invariavelmente irá chegar? Leia mais ›


Palavras-chave , , , , , ,
Mercado farmacêutico





Nissei inaugura 4ª farmácia na Fazenda Rio Grande

(Texto atualizado em 27/03/2019 às 01:32 pm)

A Rede de Farmácias Nissei, oitava maior player do setor no Brasil, inaugura quarta unidade em Fazenda Rio Grande, no Pioneiros, nesta segunda-feira (22). Localizada na Av Cesar Carelli, nº 64, a farmácia possui mais de 300 metros quadrados e já foi construída no novo modelo da marca, que valoriza a experiência de compra do consumidor.

A Nissei atua com o conceito de Drugstore, contando com um portfólio completo de medicamentos, produtos de higiene e beleza, perfumaria e conveniência. A farmácia funcionará de segunda a sábado das 07h às 23hs e nos domingos e feriados das 09h às 22h. Leia mais ›


Palavras-chave , , , , , , ,
Mercado farmacêutico





Lote de vacina para hepatite B e Botox são suspensos

suspensos anvisa medicamentos

(Texto atualizado em 27/03/2019 às 01:29 pm)

Um lote da vacina adsorvida hepatite B (recombinante) do Instituto Butantan foi suspenso nesta terça-feira (16/1). A medida vale para o lote 160016 da vacina.

A medida foi adotada após um comunicado do próprio Instituto Butantan que detectou um resultado fora do padrão no ensaio de endotoxina presente na vacina da hepatite B.

O laboratório fará o recolhimento da vacina no mercado. Os demais lotes da vacina e outros produtos do Butantan continuam liberados.

Confira a Resolução na íntegra.

Leia mais ›


Palavras-chave , ,
Mercado farmacêutico





Expansão da Rede Drogal chega em Louveira

Expansão da Rede Drogal chega em Louveira

(Texto atualizado em 27/03/2019 às 01:29 pm)

Somente neste ano, rede já abriu sete novas lojas

Famosa por integrar o Circuito das Frutas, Louveira acaba de ganhar a primeira unidade da Rede Drogal. A inauguração mantém o projeto arrojado de expansão da empresa. Neste ano já são sete novas farmácias, num total de 146 filiais em 58 cidades do Estado de São Paulo.

A filial possui mix de produtos e serviços focados nas necessidades dos moradores. Segundo a Drogal, a ideia é oferecer preços acessíveis, aliados a marcas renomadas de medicamentos, energéticos, produtos de higiene, beleza, infantil, dermocosméticos e suplementos. Outro diferencial é o sortimento específico para pessoas com diabetes, que contempla uma linha completa para dietas especiais e, também, aos adeptos das linhas diet e light, como balas, doces, chocolates, biscoitos, adoçantes. A loja também oferece, para esse público, medidores de glicose, tiras para diagnósticos, lancetas, canetas, aplicadores, seringas, agulhas, acessórios, insulinas, medicamentos orais e vitaminas. Leia mais ›


Palavras-chave ,
Mercado farmacêutico





João Tavares Neto da ANVISA comenta tendências do mercado de perfumaria e cosméticos

| João Tavares Neto da ANVISA comenta sobre tendências e perspectivas sobre o mercado cosmético no Brasil

(Texto atualizado em 27/03/2019 às 01:30 pm)

João Tavares Neto é Gerente de Produtos de Higiene, Perfumes, Cosméticos e Saneantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA. Bacharel em Farmácia e Mestre em Ciência de Alimentos pela Universidade Federal de Minas Gerais e Especialista em Vigilância Sanitária pela Fundação Oswaldo Cruz. Servidor público desde 2005 na carreira de Especialista em Regulação e Vigilância Sanitária da Anvisa, onde exerceu os cargos de Coodenador de Bioequivalência na Gerência Geral de Medicamentos (2011-2014); Superintentende de Correlatos e Alimentos, supervisionando a Gerência Geral de Cosméticos (2014-2016); Assessor do Diretor Presidente (2016); e Gerente de Cosméticos (2016-2017); Presidiu o décimo primeiro ciclo da Cooperação Internacional em Regulação de Cosméticos: ICCR-11 (2016/2017), composto pelas autoridades sanitárias do Brasil, Canadá, Japão, Estados Unidos e União Europeia. Leia mais ›


Palavras-chave , , , , ,
Mercado farmacêutico





Ministério público apura divulgação de medicamentos abortivos no Facebook

A divulgação em perfis no Facebook de ofertas de serviços em clínicas clandestinas de aborto e de medicamentos para interrupção de gravidez fez com que o Ministério Público Federal (MPF) em Goiás instaurasse um procedimento para investigar a ação ou a omissão da rede social na propagação desse tipo de conteúdo. No Brasil, o aborto é permitido em três situações: quando a gravidez oferece risco à mãe e em casos de estupro ou de anencefalia do feto.

O procurador da República Ailton Benedito, que atua no caso, recebeu uma denúncia alertando sobre a divulgação. “Trata-se de notícia de fato relativamente à existência de diversos perfis e páginas do Facebook que promovem ofertas de serviços de clínicas e medicamentos abortivos, o que pode configurar práticas ilícitas, conforme o ordenamento jurídico brasileiro”, escreveu no despacho. O MPF oficiou a rede social para que, em cinco dias, envie relatório detalhado de todas as providências adotadas em relação a páginas e perfis indicados no documento. Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico





Comparex discute tecnologia no canal farma

Comparex discute tecnologia no canal farma

A Comparex, empresa alemã que auxilia startups no processo de inovação digital, realiza no dia 30 de outubro, das 8h30 às 12h, um evento que tem como objetivo discutir como as novas tecnologias contribuem para aprimorar o desenvolvimento do canal farma. “Queremos entender as necessidades das farmácias e laboratórios farmacêuticos, observando o que as empresas estão fazendo em relação ao uso das novas tecnologias para melhor adesão à medicação”, explica Bruno Borghi, gerente de desenvolvimento de negócios da área de healthcare da Comparex.

Para isso, o evento contará com três palestras. Andrea Rangel, CIO da HealthBeacon, empresa de tecnologia de adesão ao tratamento, falará sobre o futuro dos medicamentos. Na sequência, Mauricio Affonso, co-fundador e sócio da EAI Health, que falará sobre soluções inovadoras  para a gestão da adesão à medicação. Já a CEO da Dr. Tis, Jihan Zoghbi, apresentará um panorama sobre sistemas de gestão na área da saúde, nos quais o paciente pode ter todos seus exames armazenados na nuvem.

O evento ocorrerá no auditório da Comparex, localizado na Rua Arizona, 1366, conjunto 32, no bairro do Brooklin, em São Paulo. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (11) 3468-0500. As inscrições devem ser feiras no aqui.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Mercado farmacêutico





Correios atenderão dentro de farmácias e drogarias

A fim de ampliar rede de atendimento, empresa vai lançar novo canal de atendimento, no modelo “loja dentro de loja”.

Para expandir sua rede de atendimento sem precisar investir na abertura de novas agências, os correios vão lançar um novo canal de atendimento. É o Correios Aqui, balcão que será instalado dentro de estabelecimentos comerciais como farmácias, lojas e mercados a partir de março próximo. Serão 27 cidades contempladas na primeira etapa do projeto, em Goiás foram escolhidas Águas Lindas, Anápolis e Aparecida de Goiânia.

Os Correios já lançaram FAQ com as perguntas e respostas mais frequentes, orientado os interessados:

http://www2.correios.com.br/hotsites/correiosaqui/

Fonte: SINCOFARMA e Correios


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico





Laboratórios nacionais dominam vendas de medicamentos no Brasil

mercado farmaceutico calculo

(Texto atualizado em 11/03/2019 às 02:17 pm)

Os laboratórios nacionais têm abocanhado fatia crescente nas vendas de medicamentos no varejo farmacêutico e hoje já fornecem mais de dois terços do volume comercializado no país. Em receita, a participação das farmacêuticas brasileiras também é superior à das multinacionais, mas menor do que a presença em unidades: 58%, ante 67%.

É o que mostra uma extensa análise produzida pela Associação dos Laboratórios Farmacêuticos Nacionais (Alanac), com base em dados da consultoria IMS Health relativos ao desempenho do varejo farmacêutico de janeiro a setembro deste ano. Nesse intervalo, as vendas de medicamentos nas farmácias brasileiras cresceram 12,4%, para R$ 37 bilhões. Em número de doses, a alta foi de 4,9%, a 109 bilhões.

Leia mais ›


Palavras-chave , , , , ,
Mercado farmacêutico, Indústria farmacêutica





Seja bem-vindo(a) ao blog da M2Farma.

Neste espaço reunimos notícias sobre assuntos regulatórios e o varejo farmacêutico.

Nosso trabalho é facilitar a burocracia técnica, saiba mais.

Siga-nos:

📫 Receba por e-mail

Receba as últimas notícias sobre varejo farmacêutico, ANVISA, Farmácia Popular e Convênios PBM direto no seu e-mail:





📬 Receba as últimas notícias sobre o varejo farmacêutico, Farmácia Popular, ANVISA, convênios PBM e mais: