Arquivo do blog

Vendas de medicamentos sobem 19,35% no 1º trimestre, aponta IMS Health/Abradilan

crescimento mercado farmacêutico ims abradilanAs vendas dos distribuidores de medicamentos no Brasil subiram 19,35% no primeiro trimestre de 2015 ante o mesmo período do ano anterior, segundo dados do IMS Health divulgados nesta segunda-feira, 18, pela Associação Brasileira dos Distribuidores de Laboratórios Nacionais (Abradilan). De janeiro a março, o faturamento do setor alcançou R$ 3,12 bilhões.

Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico





Para a farmácia aumentar as vendas: expandir e aumentar a qualidade do mix de produtos

(Texto atualizado em 14/07/2015 às 04:15 pm)

aumentar vendas expandir mix de produtos farmáciaQuem aposta em produtos que fogem do escopo médico vai continuar crescendo, segundo Abrafarma

O setor de farmácias cresceu 6,4%, em valores reais, no ano passado. E o desempenho é resultado de investimentos que as farmácias vem fazendo nos pontos de venda, agora maiores e mais organizados; e no mix de produtos, mais diversificado e qualificado, com foco em itens de maior valor agregado e que fogem do escopo médico.
Leia mais ›


Palavras-chave , , , , ,
Mercado farmacêutico, Marketing Farmacêutico





Farmácias são destaque do varejo em ano ruim para bens duráveis

(Texto atualizado em 01/06/2015 às 09:02 am)

farmacias destaque ano ruimOs indicadores macroeconômicos e o comportamento dos consumidores, que estão mais cautelosos na hora de ir às compras, tiveram impacto diferente nas diversas empresas que compõem o amplo segmento de consumo no país.
Guilherme Assis, analista do Brasil Plural, destaca farmácias como as companhias mais bem colocadas do setor, enquanto as que vendem bens duráveis são as que têm os maiores desafios para crescer no cenário atual.

Palavras-chave , , , ,
Mercado farmacêutico, Indústria farmacêutica, Marketing Farmacêutico





Pague Menos fatura R$ 4,3 bi

Pague Menos fatura R$ 4,3 biA rede de farmácias Pague Menos registrou alta de 65% no lucro líquido do quarto trimestre, em relação a igual período de 2013, somando R$ 53,7 milhões. A receita bruta cresceu 20,8% de outubro a dezembro, para R$ 1,18 bilhão. No ano de 2014, o lucro subiu 6,3%, para R$ 116,3 milhões. A receita bruta cresceu 17,7% e chegou a R$ 4,38 bilhões. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) foi 26,5% maior no ano, somando R$ 332,3 milhões. Foram inauguradas 96 lojas em 2014. As vendas ‘mesmas lojas’ cresceram 13,1% no trimestre, na comparação anual, para R$ 1,1 bilhão. No período, foram abertos 26 novos pontos de venda. A companhia encerrou o ano com 738 lojas, sendo 35% de unidades com menos de três anos e os demais 65% formados por unidades consideradas maduras, por terem mais de quatro anos. “Em 2015, continuaremos com a nossa estratégia de crescimento orgânico, com abertura de 98 novas lojas, sendo oito substituições, o que resultará em um incremento de 90 novas filiais, totalizando 828 lojas ao final do ano. Serão 1 mil farmácias em funcionamento até o fim de 2017″, informou companhia, em relatório.

Fonte: Site SBVC


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico, Indústria farmacêutica





Cresce o mercado farmacêutico

faturamento-do-mercado-farmacêutico-cresceO faturamento do mercado farmacêutico pelo canal farmácia no Brasil saltou de R$ 27,7 bilhões em 2010 para R$ 40,3 bilhões em 2014, considerando o período de 12 meses móveis até setembro.

Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico, Indústria farmacêutica





Seja bem-vindo(a) ao blog da M2Farma.

Neste espaço reunimos notícias sobre assuntos regulatórios e o varejo farmacêutico.

Nosso trabalho é facilitar a burocracia técnica, saiba mais.

Siga-nos:

📫 Receba por e-mail

Receba as últimas notícias sobre varejo farmacêutico, ANVISA, Farmácia Popular e Convênios PBM direto no seu e-mail:





📬 Receba as últimas notícias sobre o varejo farmacêutico, Farmácia Popular, ANVISA, convênios PBM e mais: