Serviços farmacêuticos em farmácias e drogarias

Você sabia que no Brasil, as farmácias e drogarias devidamente regularizadas junto aos órgãos competentes e de fiscalização, podem oferecer serviços farmacêuticos à população, de forma remunerada ou gratuita? Para isso, essas atividades devem observar, criteriosamente, as disposições da Resolução de Diretoria Colegiada da Anvisa nº 44 de 2009.

Os serviços farmacêuticos que podem ser oferecidos em farmácias e drogarias são relacionados à atenção farmacêutica (atenção domiciliar, aferição de parâmetros fisiológicos e bioquímicos e administração de medicamentos) e perfuração de lóbulo auricular para colocação de brincos. Leia mais ›


Palavras-chave , ,
Legislação e regulamentações, Marketing Farmacêutico



Raia Drogasil torna-se RD

Nova marca é anunciada após fusão

A Raia Drogasil anunciou mudança de sua marca corporativa para RD – Gente, Saúde e Bem-Estar. A marca surge após cinco anos de fusão, período em que se tornou uma empresa completamente distinta, com gestão, processos e sistemas totalmente unificados. Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico, Marketing Farmacêutico



Acromegalia ganha tratamento inédito no país

O medicamento Signifor® LP (pamoato de pasireotida) recebeu, nesta segunda-feira (24/4), o registro da Anvisa. O produto é inédito no país e é indicado para o tratamento da acromegalia.

A acromegalia é uma doença que provoca o crescimento exagerado de algumas partes do corpo como as mãos e pés. A doença também pode causar mudanças no rosto das pessoas com a projeção da mandíbula, alargamento do nariz e espaçamento exagerado dos dentes.

Isso ocorre quando a glândula pituitária produz o hormônio do crescimento (GH) de forma irregular e em excesso. Além do crescimento de mãos e pés, outros sintomas da acromegalia são dores de cabeça e alteração da visão, rouquidão, entre outros. A acromegalia é uma doença rara, séria e debilitante que, em 95% dos pacientes, se origina de um adenoma hipofisário secretor de GH, ou seja, um tumor benigno na glândula pituitária.

A acromegalia é semelhante ao gigantismo. A principal diferença é que o gigantismo ocorre durante a infância e a acromegalia surge em pessoas já adultas.

Funcionamento e indicação do Signifor

O princípio ativo do Signifor é o pamoato de pasireotida. O medicamento foi registrado na forma farmacêutica de pó para suspensão injetável, nas concentrações de 20 mg, 40 mg e 60 mg.

O medicamento é indicado para o tratamento de pacientes adultos com nos casos em que a cirurgia do tumor hipofisário foi ineficaz ou não é uma opção viável. O produto é indicado também para pacientes que não estão adequadamente controlados com outros tratamentos disponíveis, como os análogos da somatostatina.

O SIGNIFOR® LP (pamoato de pasireotida) será fabricado pelas empresas Novartis Pharma AG e Synergy Health Däniken AG localizadas na Suíça, e a dona do registro do medicamento no Brasil é a empresa Novartis Biociencias S.A., localizada em São Paulo-SP.

 

Fonte: Portal Anvisa


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico, Indústria farmacêutica



Quatro pontos positivos para o mercado farmacêutico

A economia brasileira está começando a reagir. Aproveitando o início do bom momento, o setor farmacêutico começa a pensar em projetos de expansão. O Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade (ICTQ) levantou quatro perspectivas positivas para 2017 em relação à produção, vendas e geração de empregos:

1 – Aumento de dois dígitos e expectativa de novas contratações

O segmento farmacêutico tem sido um ponto fora da curva, já que apresenta bons resultados independente da crise financeira brasileira. Para 2017, o presidente executivo do Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos no Estado de São Paulo (Sindusfarma), Nelson Mussolini, a indústria farmacêutica espera que a equipe econômica do governo consiga melhorar o cenário, diminuindo taxa de juros e ajudando a retomada do consumo. Leia mais ›


Palavras-chave , , , ,
Mercado farmacêutico



MST invade sede do Mapa em Porto Alegre

Integrantes do movimento montaram barracas no pátio e proibiram a entrada de carros

O Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra (MST) invadiu a sede do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) no final da manhã desta terça, em Porto Alegre. Os integrantes do movimento montaram barracas no pátio e proibiram a entrada de carros fechando o portão que dá acesso ao prédio. No local também funciona o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), o Ministério da Pesca e a Delegacia Federal do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico



Franquia de farmácias aposta em manipulação para animais de estimação

Necessitando de medicamentos manipulados especialmente para um Cocker Spaniel chamado Pancho, a farmacêutica Sandra Schuster constatou que havia uma brecha no mercado

Pancho era um cão curitibano muito agitado, que por vezes carecia de um remedinho para se acalmar. Sandra Schuster, dona do animal e farmacêutica que trabalha com manipulação de medicamentos, sentiu necessidade de preparar biscoitos com sabores de picanha, chocolate, salmão ou framboesa para o cocker spaniel se dignar a engolir os remédios, inseridos nesses petiscos. Sem desconfiar que era um cachorro histórico, Pancho foi o primeiro cliente do que viria a se tornar a DrogaVET, farmácia pioneira no segmento de manipulação veterinára do Brasil. Leia mais ›


Palavras-chave , , , ,
Mercado farmacêutico, Marketing Farmacêutico



CVM questiona Hypermarcas sobre possível venda da farmacêutica

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) encaminhou à farmacêutica Hypermarcas uma carta solicitando esclarecimentos sobre informações publicadas na imprensa sobre uma eventual negociação para a venda da companhia.

A empresa negou no comunicado a existência de negociações neste sentido. As ações da empresa lideram as altas do Ibovespa hoje. Por volta das 14h40, registravam valorização de 5,47%, a R$ 30,83.

A edição do dia 23 de Abril do jornal “O Globo” informou que João Alves de Queiroz Filho, o Júnior, dono da Hypermarcas, tem três propostas de multinacionais interessadas em comprar a empresa. De acordo com informação publicada hoje pela agência “Reuters”, a Johnson & Johnson, Novartis e Takeda Pharmaceutical estão em negociações com o bloco de controle da Hypermarcas para a compra da companhia.

Famílias donas das empresas de investimentos Igarapava Participações e Maiorem SA de CV, que detêm uma participação combinada de 34% da Hypermarcas, teriam contratado Bradesco e Credit Suisse para assessorar a venda.

 

Fonte: Site Valor Econômico


Palavras-chave , ,
Mercado farmacêutico



Pátria adquire pequena rede de farmácias em Pernambuco

O fundo de private equity Pátria Investimentos adquiriu a rede de farmácias Independente, que tem 24 unidades espalhadas na Grande Recife. Embora considerada pequena, a aquisição faz parte de uma estratégia de consolidação na capital pernambucana, onde o fundo já tem presença neste segmento. Leia mais ›


Palavras-chave , , , ,
Mercado farmacêutico, Indústria farmacêutica



Justiça Federal condena comerciante de Agudos que fraudou a Farmácia Popular

Prejuízo causado aos cofres públicos passa de R$ 88 mil, segundo MPF

Administrador de uma drogaria em Agudos (13 quilômetros de Bauru) foi condenado pela Justiça Federal de Bauru a três anos e seis meses de prisão, em regime aberto, por crime de estelionato contra a União na modalidade continuada. Segundo o Ministério Público Federal (MPF), autor da ação, no processo, ficou comprovado que ele enganou a fiscalização do programa “Farmácia Popular” entre janeiro e julho de 2012. Leia mais ›


Palavras-chave , ,
Farmácia Popular



Uruguai dá início a registro para venda legal de maconha em farmácias do país

Quase quatro anos depois de aprovada pelo Congresso, a chamada Lei da Maconha finalmente entrará em vigor em sua totalidade no Uruguai a partir desta terça-feira (2).

Medida que projetou o ex-presidente José “Pepe” Mujica ao estrelato, ao sugerir que legalizar drogas poderia ser mais eficiente do que reprimir o tráfico, a legislação havia sido implementada em parte. Leia mais ›


Palavras-chave , , , , ,
Mercado farmacêutico



Consulta discute regra para farmácia fazer vacinação

As regras para o funcionamento dos serviços de vacinação estão em discussão pela Anvisa. O principal motivo é adequar as normas atuais para que as farmácias também apliquem vacinas com o mesmo controle e segurança que já é adotado nos serviços tradicionais de vacinação.

A previsão deste tipo de serviço foi criada pela Lei 13.021/2014. Porém, a norma atual não se aplica de forma clara para as farmácias e drogarias. Esses locais não têm um histórico de armazenamento e aplicação, por isso, precisam fazer adequações caso queiram oferecer o serviço. Leia mais ›


Palavras-chave , , , ,
Mercado farmacêutico, Legislação e regulamentações, ANVISA



Programa Aqui tem Farmácia Popular será mantido com alteração nas regras

No início deste ano, o Ministério da Saúde anunciou uma mudança nas regras do Programa Aqui tem Farmácia Popular, em que foi inserido um critério de idade para alguns medicamentos. Nas regras anteriores, que prevaleciam desde 2006, quando a iniciativa foi criada, não havia esse critério para a retirada de medicamentos nas drogarias.

A venda de medicamentos para mal de Parkinson passa a estar autorizada somente para pessoas a partir de 50 anos. Para osteoporose, a idade mínima é 40 anos. Hipertensão, 20. Já os remédios para controlar o colesterol alto serão autorizados para pacientes com pelo menos 35 anos, e contraceptivos para mulheres de 10 a 60 anos. Leia mais ›


Palavras-chave , , , ,
Farmácia Popular



Ministério da Saúde: Farmácias são autorizadas a oferecer vacinas

O Ministério de Saúde (MS) aprovou (05/05/2017) uma norma que regulamenta a venda e aplicação de vacinas em farmácias. A medida ocorre após 70% do território nacional se tornar área de risco às doenças como febre amarela e dengue.

A nova lei autoriza o serviço para prevenção também de outras doenças, como tétano, difteria, sarampo, rubéola, caxumba, poliomelite, hepatite a, hepatite b, varicela, gripe e HPV. Para isso, os estabelecimentos deverão estar licenciados pela Vigilância Sanitária local. Leia mais ›


Palavras-chave , , , ,
Mercado farmacêutico, Legislação e regulamentações



Resumo das normas e regras do Farmácia Popular

manual-de-regras-farmacia-popularA empresa que participa do programa Aqui Tem Farmácia Popular deve seguir todas e cada uma das regras do programa, que são descritas na Portaria nº 111, de 29 de janeiro de 2016 e no manual de regras oficial, disponível neste link.

Reunimos neste texto as principais regras que devem ser cumpridas em um resumo para facilitar e agilizar a pesquisa. Confira a seguir: Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Farmácia Popular



Manual de regras do “Aqui Tem Farmácia Popular”

Desde sua criação, o programa Aqui Tem Farmácia Popular já atendeu mais de 43 milhões de brasileiros, o equivalente a cerca de 20% da população do país. De fato, a parceria entre farmácia particular e governo é um sucesso. A iniciativa é regulada por uma série de obrigatoriedades sobre todas etapas do processo, contidas no Manual de Regras do Farmácia Popular.

O governo, por um lado, possui o compromisso de pagar os repasses, que são feitos através de um sistema de co-pagamentos pelo Fundo Nacional de Saúde, e controlados através do DATASUS. Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Farmácia Popular



0
Conectando
Por favor, aguarde...
Enviar mensagem

Não estamos on-line no momento, envie uma mensagem e responderemos em breve.

* Nome
* Email
* Mensagem
Telefone
Atendimento on-line

Como podemos ajudar?

Estamos on-line, fique à vontade para iniciar uma conversa com a M2Farma.

* Nome
* Email
Telefone
* Mensagem
Atendimento on-line
Feedback

Help us help you better! Feel free to leave us any additional feedback.

How do you rate our support?

Agradecemos sua visita ao blog e convidamos a conhecer nosso trabalho. Visite www.m2farma.com

Aproveite para cadastrar seu e-mail para receber notícias e promoções:

Fique tranquilo, seus dados estarão em segurança.