Amazon deve entrar em mercado que movimentou US$ 300 milhões em 2016

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

Desde maio deste ano já existe a expectativa de que a Amazon apostasse em outro setor além do alimentício, o mais recente em que entrou com a compra da Whole Foods

O próximo mercado em que a Amazon pretende atuar é o farmacêutico, de acordo com analistas do grupo norte-americano Leerink Partners, aponta o portal CNBC.

No ano passado, de acordo com a Forbes, somente nos Estados Unidos o mercado farmacêutico movimentou mais de US$ 300 bilhões.

A empresa já estaria em discussões com os executivos responsáveis por negociar os preços de medicamentos com as farmacêuticas e gerenciar os benefícios concedidos a determinados planos de saúde.

“Nossos especialistas apontam que a Amazon pode estar em conversas com PBMs [sigla para Pharmacy Benefit Managers, nome dado ao cargo de tais executivos] em um esforço para entrar no setor de serviços farmacêuticos”, diz o relatório. Essa atuação da Amazon pode ser, de acordo com a Leerink, preocupante para a concorrência do mercado e também para os distribuidores, que sentirão o impacto mais fortemente.

A entrada da empresa neste setor, entretanto, não deve ser imediata: a expectativa é de que deve levar cerca de 18 a 24 meses a empresa já tenha as licenças necessárias para atuar em 50 estados norte-americanos.

Desde maio deste ano já existe a expectativa de que a Amazon apostasse em outro setor além do alimentício, o mais recente em que entrou. Na época, a empresa estava em busca de um executivo para liderar a área de negócios farmacêuticos.

 

Fonte: InfoMoney

Qual sua opinião? Deixe seu comentário:



Palavras-chave , ,
Mercado farmacêutico

📬 Receba as últimas notícias sobre o varejo farmacêutico, Farmácia Popular, ANVISA, convênios PBM e mais: