Consumidor busca alternativas na hora de comprar medicamentos

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

(Texto atualizado em 14/07/2015 às 10:08 am)

consumidor busca alternativa na hora de comprarFique atento às medidas adotadas pelos clientes

Com a perda do poder de compra dos consumidores, valem todas as armas para economizar na hora de adquirir os produtos essenciais, como, por exemplo, medicamentos, que este mês tiveram o maior reajuste dos últimos seis anos (7,7%).

Segundo a coordenadora institucional da Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Proteste), Maria Inês Dolci, em média, 12% da renda do consumidor está comprometida com medicamentos.

Para fazer com que os gastos com estes produtos não estourem o orçamento doméstico, o consumidor deve começar a adotar desde a boa e velha pesquisa de preço até a busca por descontos nos sites dos laboratórios.

Outra alternativa será procurar o tipo genérico do produto ou até receber o item de forma gratuita nas Farmácias Populares espalhadas pelo Brasil.

Outra maneira de economizar que os consumidores estão utilizando, é checar se o medicamento está na lista do programa Farmácia Popular do governo federal.

Atualmente existem 112 itens oferecidos com até 90% de desconto em relação ao cobrado no mercado. Nesta lista estão contidas substâncias usadas no tratamento de várias doenças como gastrite, rinite, mal de Parkinson, osteoporose e glaucoma. Já os medicamentos para asma, diabetes e hipertensão são disponibilizados gratuitamente.

Fonte: Guia da Farmácia/Jornal da Paraíba

Qual sua opinião? Deixe seu comentário:



Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico, Farmácia Popular

📬 Receba as últimas notícias sobre o varejo farmacêutico, Farmácia Popular, ANVISA, convênios PBM e mais: