Receita bruta consolidada atinge R$ 1,0 bilhão no 3T14, com destaque para a divisão Distribuição Farma, com crescimento de 7,8% em relação ao 3T13

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

vendas-receita-bruta-consolidada-distribuição-farmaA Profarma divulgou em 13 de novembro, os resultados referentes ao terceiro trimestre de 2014. A receita bruta consolidada alcançou R$ 1,0 bilhão, 7,2% superior ao registrado no mesmo trimestre de 2013. Além disso, mais uma vez a Companhia apresentou redução das despesas operacionais proforma cuja participação na receita líquida passou de 12,9% no 3T13 para 12,0% no 3T14. Destaque positivo para o desempenho da Divisão Distribuição Farma – segmento original de atuação e que permanece sendo o principal negócio da Companhia. A Divisão obteve crescimento de 7,8% ante o 3T13, reflexo do aumento de vendas em todos os segmentos de clientes.

Para Max Fischer, CFO e Diretor de RI, a Profarma está mais bem posicionada para capturar as oportunidades no mercado de medicamentos. “O novo posicionamento estratégico no mercado farmacêutico do Brasil, agora mais diversificado, no qual passamos a atuar em segmentos de maior rentabilidade e potencial de crescimento – Varejo e Especialidades -, confere a Profarma uma posição diferenciada e única no sentido de capturar os benefícios desses mercados, gerando maior valor para a Companhia e seus acionistas”, afirma Max.

A Profarma manteve a dinâmica dos três trimestres anteriores na Divisão Varejo, que vem obtendo melhorias constantes em seu desempenho. As vendas da rede Drogasmil apresentaram evolução de 7,5% enquanto as vendas médias lojas/mês cresceram 25,5%, na comparação com o 3T13. O Ebitda registrou aumento de 83,3% no mesmo período de comparação. Dando sequência ao plano de expansão, a rede inaugurou quatro lojas no 3T14, acumulando no ano 10 novas lojas. Já a rede Tamoio, obteve aumento de 12,9% nas vendas ante o 3T13, com as vendas médias lojas/mês alcançando a marca de R$ 582 mil. Com isso, a rede registrou a maior margem Ebitda dos últimos 12 meses, 7,6%, o que representa incremento de 47,6%com relação ao trimestre anterior.
As vendas da Divisão Especialidades permaneceram em linha com o mesmo período do ano anterior e o Ebitda foi 52,3% menor. Porém, quando comparado ao trimestre anterior, a Divisão apresentou crescimento de vendas de 9,7% e também expansão de 53,7% no Ebitda.

Sobre a Profarma: A Profarma Distribuidora de Produtos Farmacêuticos S.A atua há 52 anos na distribuição de produtos farmacêuticos, higiene pessoal e cosméticos, nos mais populosos estados brasileiros. Desde 2013, após a aquisição das redes de varejo Drogasmil/Farmalife e Tamoio, tornou-se um dos maiores distribuidores mistos da América Latina e o maior do País. Com 12 Centros de Distribuição, a Profarma comercializa aproximadamente 18 milhões de unidades por mês e atende a cerca de 33 mil pontos de venda. No varejo farmacêutico, tornou-se a 10ª maior rede do Brasil com 140 lojas no Rio de Janeiro, cobrindo uma área geográfica que representa 96% do mercado consumidor de produtos farmacêuticos do Brasil. A Profarma, com sua equipe especializada e comprometida, busca tornar-se o maior e mais rentável distribuidor misto de produtos farmacêuticos no Brasil por meio de resultados consistentes e sustentáveis, mantendo baixos custos operacionais, fortalecendo suas vantagens competitivas e maximizando valor para os acionistas.

Fonte: Max Press

Qual sua opinião? Deixe seu comentário:



Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico
0
Conectando
Por favor, aguarde...
Como podemos ajudar?

Envie uma mensagem com sua dúvida, logo retornaremos para você:

* Nome
* E-mail
Telefone
* Mensagem
Atendimento on-line

Como podemos ajudar?

Estamos on-line, fique à vontade para iniciar uma conversa com a M2Farma.

* Nome
* Email
Telefone
* Mensagem
Atendimento on-line
Feedback

Help us help you better! Feel free to leave us any additional feedback.

How do you rate our support?

📬 Receba as últimas notícias sobre o varejo farmacêutico, Farmácia Popular, ANVISA, convênios PBM e mais: