Arquivo do blog

Varejo farmacêutico aumenta 12,4% em 2018 no acumulado do ano

mercado farmaceutico

(Texto atualizado em 04/12/2018 às 12:54 pm)

Vendas de medicamentos crescem na AbradilanAs vendas em farmácias registraram aumento de 12,4% em setembro, considerando o acumulado do ano, em comparação ao mesmo período do ano passado. Assim, o faturamento de R$ 33 bilhões em 2015 passou para R$ 37 bilhões neste ano. Já o número de doses comercializadas saiu de 104 bilhões para 109 bilhões; crescimento de 4,9%.

Os dados acabam de ser divulgados pela IMS Health e foram compilados pela INTERFARMA (Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa). “Em comparação com os demais setores, o farmacêutico consegue ser mais resistente às crises porque medicamentos são produtos de primeira necessidade”, afirma Antônio Britto, presidente-executivo da INTERFARMA. Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico





Abrafarma tem confiança no varejo farmacêutico

A tendência é que os profissionais voltem a assumir papel importante no setor, cuidando da saúde pública, não somente de medicamentos, mas da prevenção de doenças

Antes mesmo de existirem as farmácias físicas, em lojas, já havia a figura do boticário. Respeitado nas cidades, ele exercia uma função de conselheiro de saúde para tratar enfermidades mais leves. Somente no fim do século XIX, o título de farmacêutico ganhou notoriedade. Depois de anos atrás do balcão, esses profissionais têm voltado a assumir o protagonismo no varejo.

De acordo com o presidente da Associação Brasileira das Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma), Sergio Mena Barreto, a tendência é as farmácias buscarem uma aproximação maior dos clientes, tentar humanizar o atendimento e assumir uma função mais importante na saúde pública. A entidade engloba as 24 maiores redes varejistas do segmento. “O que está acontecendo no mundo inteiro, e também no Brasil, é introduzir a farmácia como porta de entrada no setor de saúde”.

Para Barreto, a facilidade tecnológica também permite que hoje possam ser realizados exames e um acompanhamento mais perto de pacientes. Em praticamente todos os bairros, há pela menos uma farmácia, pequena ou grande. Por isso, entre os profissionais de saúde, o farmacêutico é o que está fisicamente mais próximo dos pacientes. “O doente crônico vai 30 vezes por ano na farmácia. É possível controlar a doença com o farmacêutico. Essa ação de acompanhar o paciente ele tem de ser remunerado. Acreditamos que a farmácia vai mudar enormemente o fator de risco, prevenção e acompanhamento”.

A legislação tem facilitado o engajamento dos farmacêuticos. Agora, as lojas podem aplicar vacinas, o que antes era em laboratórios, postos de saúde ou hospitais. Além disso, as farmácias são abundantes e não costumam ter filas.
Segunda maior rede de farmácias do Brasil em faturamento (R$ 6,3 bilhões em 2017) e em número de lojas (1.163), a cearense Pague Menos tem apostado no atendimento personalizado. O conceito de Clinic Farma engloba uma série de serviços, na maioria gratuitos, ou de baixo custo, como medir pressão, aconselhar sobre interações medicamentosas, realizar testes de glicemia.

“Temos próximo de 800 lojas com área reservada para o farmacêutico prestar um serviço para a população em geral. Algumas décadas atrás o papel do farmacêutico era maior. As famílias pediam o atendimento. Agora isso está voltando e a Abrafarma está nessa cruzada para possibilitar o farmacêutico a prestar o papel que ele foi formado”, diz o diretor financeiro e relações com investidores da Pague Menos, Luiz Novais.

Números
94,3%é a taxa de ocupação do profissional de Farmácia no mercado de trabalho. Segundo levantamento “Perspectivas Radar: Perspectivas Profissionais”, do Ipea (2016), Farmácia está entre os dez primeiros lugares no ranking de taxas de ocupação entre as diversas profissões de nível superior
100 novas resoluções foram aprovadas nos últimos seis anos. Elas têm permitido aos farmacêuticos atuar em áreas nunca antes imaginadas, como a floralterapia, a estética, a perfusão sanguínea etc

Cenário

PACIENTES
Segundo a Organização Mundial de Saúde, 50% das pessoas abandonam o tratamento depois de seis meses. Os pacientes tendem a sentir menos os sintomas de doenças crônicas e param de tomar medicação. A interrupção para doenças como hipertensão e diabetes pode ter consequências graves como perda de funções renais e surgimento de gangrenas. A Abrafarma afirma que quer atuar para reduzir esses números com a relação entre farmácia e farmacêutico.

PAGUE MENOS
A cearense Pague Menos é a única rede de farmácias presente em todos os estados da federação e distrito federal. O negócio cearense possui 177 lojas no Estado e emprega mais de 3 mil pessoas. Com menos de 40 anos do início das operações, a rede compete por espaço com concorrentes de São Paulo, como o grupo Raia Drogasil, maior rede em faturamento e número de lojas no Brasil.

CRESCIMENTO
Mesmo diante da crise econômica no Brasil, que viu negócios fecharem as portas, o varejo farmacêutico manteve o crescimento, sobretudo das maiores redes de farmácias. O número de unidades segue aumentando nas esquinas de pequenas e grandes cidades. As farmácias de bairro, no entanto, sofrem com a perda de espaço no comércio, apesar de ainda representarem 90% dos pontos de venda do segmento.

Fonte: Portal O Xereta


Palavras-chave , , , , , ,
Mercado farmacêutico, Marketing Farmacêutico





Faturamento em 2017 das distribuidoras de medicamentos cresceu 9%

(Texto atualizado em 17/05/2018 às 03:55 pm)

No volume de unidades comercializado, o aumento foi de 5,2% 

Além de medicamentos, cosméticos e produtos de higiene também tiveram altas na vendas – Leandro Moraes/UOL

As distribuidoras de medicamentos tiveram alta de 9% nas vendas em 2017, na comparação com o registrado em 2016, segundo a Abradilan (associação do setor) e a consultoria Iqvia.

No volume de unidades comercializado, o aumento foi de 5,2% no mesmo período.

O levantamento considera a venda de medicamentos e de produtos de higiene e beleza.

“O crescimento ocorre tanto com remédios, que, por serem produtos essenciais, mantiveram o crescimento durante a crise, quanto com higiene e cosméticos”, diz Cristina Amorim, diretora da entidade.

Os dados não incluem o resultado de grandes varejistas, que em geral possuem logística própria de distribuição.

As distribuidoras atendem farmácias independentes e também são responsáveis por parte da logística das redes fora dos grandes centros.

Fonte: Folha


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico





Crescimento de 12,86% em 2017 no setor farmacêutico

2017 foi um ano acima das expectativas para o setor farmacêutico, que teve um crescimento expressivo entre os meses de janeiro e novembro, segundos os dados divulgados o varejo farmacêutico cresceu 12,86% nestes onze meses em comparação ao mesmo período de 2016. De acordo com pesquisa da empresa IQVIA, os números são ainda melhores quando relacionadas apenas as farmácias filiadas à Federação Brasileira das Redes Associativas de Farmácias (FEBRAFAR) que apresentaram resultados 21,76% superiores no mesmo período. Conforme a FEBRAFAR, o ano não foi fácil para o setor farmacêutico e as farmácias enfrentaram diversos desafios, mas o resultado positivo reflete a preocupação cada vez maior das redes com a capacitação para gestão e a utilização das ferramentas fornecidas pela entidade.

O estudo que levou em conta o faturamento de 84.256 farmácias em todo o país, apontou que juntos os estabelecimentos tiveram um rendimento de R$ 98.259.555.239,00 de janeiro a novembro, no mesmo período de 2016 esta receita foi de R$ 87.061.179.435,00. Levando em conta apenas as 7.421 farmácias associadas a FEBRAFAR, o faturamento foi de R$ 8.260.918.377,00 no mesmo período de 2017 e em 2016 o valor foi de R$ 6.784.869.507,00, números que demonstram o avanço de todo o setor, mas a grande vantagem competitiva dos comércios associados. Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico, Marketing Farmacêutico





Gasto em farmácia cresce 9,87% na região do ABC Paulista

Nos últimos dois anos, os gastos em farmácias aumentaram 9,87% no Grande ABC, passando de R$ 105,44 por habitante – no período de um mês – para R$ 115,86 (diferença de R$ 10,42). Segundo especialista, um dos motivos é o envelhecimento da população, que hoje na região soma 365,8 mil pessoas com 60 anos ou mais – eram 219,8 mil em 2004.

Na contramão do aumento dos gastos, o número de estabelecimentos do setor recuou de 1.437, em 2015, para 1.323 (-7,93%) neste ano. Os dados são do estudo de potencial de consumo da IPC Marketing Editora, o IPC Maps. Leia mais ›


Palavras-chave , ,
Mercado farmacêutico





Profarma encerra 2016 com crescimento de 26,1% no Ebitda

A Profarma divulgou os resultados do quarto trimestre e do ano de 2016 no dia 23 de março de 2017. A Companhia apresenta os seus resultados de forma consolidada pro forma, ou seja, considerando 100% da Divisão Especialidades (Joint Venture com a Amerisource Bergen) e 100% da Divisão Varejo para melhor entendimento do desempenho. Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico





Genéricos crescem 163% desde 2010

Os medicamentos genéricos movimentaram R$ 4,7 bilhões no país em 2016, número 13,7% superior ao registrado um ano antes e bem acima do R$ 1,8 bilhão de 2010. O desempenho do último ano ficou acima do aumento de 10,93% na venda geral de medicamentos no Brasil, que inclui remédios de marca e similares, segundo dados fornecidos pela Associação Brasileira de Redes de Farmácia e Drogarias, a Abrafarma. Leia mais ›


Palavras-chave , ,
Mercado farmacêutico, Indústria farmacêutica





Mercado Farmacêutico alagoano tem crescimento de 18% em 2016

(Texto atualizado em 17/03/2017 às 03:03 pm)

Apesar de um cenário econômico de crise, o mercado farmacêutico apresentou um crescimento no ano de 2016. No Brasil, segundo levantamento realizado pela INTERFARMA (Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa), com dados da IMS Health (Consultoria Internacional de Marketing Farmacêutico), o varejo farmacêutico brasileiro cresceu 13,1% em 2016, passando de R$ 75,49 bilhões para R$ 85,35 bilhões. Leia mais ›


Palavras-chave , ,
Mercado farmacêutico





Raia Drogasil cresce junto com envelhecimento, diz presidente

(Texto atualizado em 17/03/2017 às 02:59 pm)

Em 2017, a rede prevê ampliar a bandeira Farmasil, voltada para a classe C, e apostará na prestação de serviço na farmácia

Raia Drogasil: maior farmacêutica varejista do país nega discurso de crise e está otimista para 2017 (EXAME)
São Paulo – Líder no varejo farmacêutico do País, a Raia Drogasil, resultado da fusão entre as redes Raia e Drogasil, em 2011, tem um discurso otimista para o ano que vem, contrariando o cenário sombrio pintado pela maior parte das empresas.

“Vamos manter nosso plano de expansão para 2017. A crise não está afetando os nossos negócios”, diz Marcilio Pousada, presidente da varejista.

Em 2017, a rede prevê ampliar a bandeira Farmasil, voltada para a classe C, e apostará na prestação de serviço na farmácia, como medição de pressão, teste de glicemia e aplicação de vacinas. Para isso, ainda aguarda o aval definitivo da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

 

Fonte: Portal Exame


Palavras-chave ,
Mercado farmacêutico, Marketing Farmacêutico





Crescimento de 5,9% nas vendas de genéricos em out 2016 segundo a ProGenéricos

noticia-mercado-farmaceuticoA quantidade de unidades de medicamentos genéricos vendida em outubro deste ano superou em 5,9% o volume do mesmo mês do ano passado, segundo levantamento da Associação Brasileira das Indústrias de Medicamentos Genéricos (PróGenéricos). A indústria fechou os últimos 12 meses encerrados em outubro com crescimento de 12,21% no volume de vendas em comparação à igual período do ano anterior. Leia mais ›


Palavras-chave , ,
Mercado farmacêutico





Faturamento do mercado farmacêutico cresce 12% no primeiro trimestre de 2015

faturamento-do-mercado-farmaceutico-cresce-12-no-primeiro-trimestre-de-2015De abril de 2014 a março de 2015, o lucro nas farmácias cresceu 11,5%

O faturamento do mercado farmacêutico cresceu 12% no primeiro trimestre deste ano, para R$ 10,7 bilhões, em comparação com o mesmo período de 2014. De abril de 2014 a março de 2015, o faturamento nas farmácias cresceu 11,5% sobre igual intervalo anterior, para R$ 43,1 bilhões, conforme dados da IMS Health compilados pela Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa (Interfarma).

“Mesmo neste momento difícil da economia, a indústria farmacêutica está apresentando um crescimento praticamente estável e muito acima de outros setores”, diz o presidente-executivo da Interfarma, Antônio Britto.

Em número de doses comercializadas, o aumento foi de 9,8%, para 32,5 bilhões no primeiro trimestre de 2015, e de 8,5% nos últimos 12 meses, com 132 bilhões de doses vendidas. Os genéricos se mantiveram estáveis com participação de 13%. Já os da categoria similar avançaram 1 ponto porcentual de 2014 para 2015, chegando a 48%. Os medicamentos de referência caíram um ponto, para 39%, no levantamento de doses meses móveis até março.

Fonte: Guia da Farmácia


Palavras-chave , , , , ,
Mercado farmacêutico, Indústria farmacêutica





E-commerce de medicamentos cresce mais de 90% ao ano

e-commerce-de-medicamentos-cresce-mais-de-90-ao-anoDrogaria Nova Esperança prevê crescimento de quase 100% no setor

O mercado corporativo está cada vez mais acirrado. Empresas de diversas segmentações começam a migrar para plataformas digitais com o objetivo de ampliar seus canais de comunicação e venda junto à população.

A Drogaria Nova Esperança, um dos maiores varejistas do setor de medicamentos, tem apostado no mercado corporativo para expandir seus negócios pelo Brasil. Atualmente, o carro-chefe de vendas da empresa é o e-commerce.

O comércio eletrônico brasileiro é composto de 450 mil lojas virtuais ativas, entretanto apenas 15% das companhias possuem endereços físicos. “Temos apenas uma loja física que está situada em Pirituba, em contrapartida, conseguimos atender todo o Brasil através do nosso e-commerce”, comenta o diretor da Drogaria Nova Esperança, Marcos Dávida.

A empresa registra um crescimento mensal de quase 10% no mercado corporativo e fornece periodicamente medicamentos para cerca de 16 mil vidas beneficiadas por programas de assistência farmacêutica.

Fonte: Guia da Farmácia


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico, Marketing Farmacêutico





Laboratórios farmacêuticos têm alta de 11,4% no faturamento em 2014

Laboratórios-farmacêuticos-têm-alta-no-faturamento-2014Mercado está acima dos dois dígitos há três anos

Os fabricantes de medicamentos registraram um crescimento de 11,4% na venda direta para as redes de farmácias do País no ano passado, indica levantamento da consultoria IMS Health.

O presidente da Interfarma, Antônio Britto, porém, reclama que, apesar de o desempenho do mercado se manter acima dos dois dígitos há três anos, as altas não passam dos 11%. Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Indústria farmacêutica





Bom desempenho do mercado de cosméticos, perfumaria e higiene pessoal mantém otimismo dos OLs

venda-itens-perfumes-hidratantes-maquiagens-cresce-a-cada-ano-no-paísCom crescimento médio anual de 10% nos últimos 17 anos, expectativa é que cenário se mantenha positivo em 2014 e que prestadores do serviço logístico cresçam junto com os três segmentos.

Os brasileiros têm mudado a sua relação com os produtos de beleza. Vistos antes como não essenciais, e até supérfluos, a venda de itens como perfumes, hidratantes e maquiagens têm, a cada ano, crescido no país.

Prova desse desenvolvimento é que em 2012 o Brasil já representava o terceiro maior mercado de cosméticos, perfumaria e higiene pessoal do mundo, com uma movimentação de US$ 42 bilhões de gastos no setor (dados da Euromonitor). Leia mais ›


Palavras-chave , , , , ,
Mercado farmacêutico





Farmácias têm crescimento no meio online

Farmácias-crescimento-meio-onlineSetor foi o segundo colocado em volume de pedidos realizados no e-commerce.

O e-commerce chegou inovando e revolucionando o mercado e ganhou espaço muito rápido nos mais diversos nichos. O setor farmacêutico não demorou a descobrir as facilidades e potencialidades do comércio eletrônico, tanto para aumentar a rentabilidade do negócio como para atender com mais comodidade os clientes. Porém, algumas especificações do ramo de atuação, como os medicamentos controlados ou que exigem prescrição médica, suscitaram diversas dúvidas sobre como deveriam proceder as novas lojas virtuais.

Leia mais ›


Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico





Farmácias reforçam aposta em produtos de beleza

Farmácias-reforçam-aposta-produtos-belezaExecutivos do setor dizem que decisão do STF sobre venda de conveniência deu segurança a investimentos no nicho.

A venda de outros tipos de produtos que não medicamentos já é uma realidade em farmácias do Brasil e os itens de higiene e beleza se destacam como uma aposta relevante. Depois de decisão do Supremo Tribunal Federal favorável à venda de itens de conveniência nas lojas, executivos avaliam que aumentou a segurança das empresas para investir nesse nicho, que atrai os empresários de farmácias por seu potencial de crescimento.

Leia mais ›


Palavras-chave , , , ,
Mercado farmacêutico, Legislação e regulamentações





RaiaDrogasil conclui integração e cresce pelo Nordeste

(Texto atualizado em 31/07/2014 às 02:38 pm)

raia-drogasil-crescimento-nordesteA maior rede de farmácias do país quer mostrar ao mercado que a fase mais difícil do processo de integração ficou para trás.

Quase três anos após a fusão que deu origem à maior rede de farmácias do País, a RaiaDrogasil começou, finalmente, a colher os resultados dessa união.

Ao divulgar na quinta-feira, 8, o balanço do primeiro trimestre, depois de um 2013 de números mais fracos, a companhia quer mostrar ao mercado que a fase mais difícil do processo de integração ficou para trás.

Internamente, 2014 está sendo tratado como o ‘ano um’ da nova empresa, que começou a ser desenhada em 2011.

A etapa mais complexa da integração das redes Droga Raia e Drogasil começou no dia 30 de setembro do ano passado e terminou em plena sexta-feira de carnaval.

Leia mais ›


Palavras-chave , , , , , , ,
Mercado farmacêutico





14% de crescimento nas vendas em Farmácias de Janeiro a Maio de 2014

crescimento-vendas-em-farmacia-janeiro-a-maio-2014As vendas do varejo farmacêutico cresceram 14,22% de janeiro a maio de 2014 na comparação com o mesmo período do ano anterior, de acordo com a Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma). A entidade reportou que o faturamento das grandes redes brasileiras somou R$ 12,7 bilhões nos primeiros cinco meses de 2014.

O indicador revela que as vendas em maio mantiveram o ritmo que vinha sendo registrado até abril, quando o crescimento ante o ano anterior era de 14,74%. Até então, o faturamento havia somado R$ 10 bilhões em quatro meses.

Em nota, o presidente da Abrafarma, Sergio Mena Barreto, afirmou que a expansão nestes cinco primeiros meses superou as expectativas da entidade. “Ficaremos satisfeitos caso consigamos manter o mesmo desempenho e tivermos, no final de 2014, o mesmo crescimento porcentual de 13% obtido no ano passado”, comentou.

Leia mais ›


Palavras-chave , , , ,
Mercado farmacêutico





Vendas nas farmácias crescem 14,74% no inicio de 2014

São Paulo – As vendas das redes de farmácia brasileiras cresceram 14,74% entre janeiro e abril de 2014 na comparação com o mesmo período do ano anterior.

No acumulado dos primeiros quatro meses do ano, o faturamento do varejo farmacêutico alcançou R$ 10 bilhões.

Leia mais ›


Palavras-chave , , , , ,
Mercado farmacêutico





Raia Drogasil chega a mil lojas com a volta ao Nordeste

Em alguns meses, a Raia Drogasil, maior varejista de farmácias do país criada há três anos, abrirá as primeiras unidades nos Estados de Pernambuco, Alagoas e Sergipe. Na capital pernambucana, a Drogasil será aberta na próxima semana e, com isso, a companhia se tornará a segunda varejista de capital aberto com mais de mil pontos próprios no país. Só o Grupo Pão de Açúcar tem esse volume de lojas. Além disso, em até um ano e meio, o primeiro centro de distribuição será aberto no Nordeste, informou a rede ao Valor.

Leia mais ›


Palavras-chave , , , , , ,
Mercado farmacêutico, Marketing Farmacêutico





Seja bem-vindo(a) ao blog da M2Farma.

Neste espaço reunimos notícias sobre assuntos regulatórios e o varejo farmacêutico.

Nosso trabalho é facilitar a burocracia técnica, saiba mais.

Siga-nos:

📫 Receba por e-mail

Receba as últimas notícias sobre varejo farmacêutico, ANVISA, Farmácia Popular e Convênios PBM direto no seu e-mail:





📬 Receba as últimas notícias sobre o varejo farmacêutico, Farmácia Popular, ANVISA, convênios PBM e mais: