Arquivo do blog

Prati-Donaduzzi é autorizada a exportar nutracêuticos

Prati-Donaduzzi é autorizada a exportar nutracêuticos

Farmacêutica paranaense expande os negócios para os Estados Unidos

A Prati-Donaduzzi, maior produtora de medicamentos genéricos do Brasil*, recebeu a autorização para exportação de produtos nutracêuticos para os Estados Unidos. Os primeiros lotes devem chegar ao estado do Texas ainda em novembro. “Quando recebemos a informação de que a Prati-Donaduzzi agora é uma indústria certificada para exportar produtos nutracêuticos para os Estados Unidos, sentimos um orgulho imenso de ter nosso trabalho e dedicação reconhecidos por um órgão internacional”, declara o diretor-presidente da farmacêutica, Eder Fernando Maffissoni.

A autorização da Prati-Donaduzzi para exportação foi concedida por meio de uma auditoria realizada pela National Sanitation Foundation (NSF), organização líder mundial em segurança alimentar que tem como objetivo testar, auditar e certificar produtos e sistemas, garantindo a qualidade dos mesmos de acordo com as exigências da Organização Mundial da Saúde (OMS) e outras organizações globais. A NSF é credenciada pela FDA (Food and Drug Administration), agência federal do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos.

Durante três dias, a NSF inspecionou aproximadamente 460 itens que foram avaliados seguindo critérios rigorosos, tanto na instalação física da planta da Prati-Donaduzzi como também na área de apoio. Vale destacar que a planta de nutracêuticos foi adequada seguindo os padrões de uma indústria farmacêutica, mesmo não sendo exigido pela legislação, propiciando maior assertividade em auditorias e qualidade de produção.

Mercado em ascensão

Segundo a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), globalmente, uma em cada três pessoas sofre de deficiência de micronutrientes. Os principais impulsionadores para o crescimento do mercado de ingredientes nutracêuticos são os benefícios gerados para a saúde associados ao seu consumo, tais como atraso no processo de envelhecimento, prevenção de doenças crônicas e aumento da expectativa de vida. Além disso, espera-se que o consumo de ingredientes nutracêuticos ajude a manter a saúde de um indivíduo e a reduzir o risco de doenças crônicas, como câncer, diabetes, obesidade e outros. “Os nutracêuticos trazem grandes vantagens para saúde e por terem uma concentração maior de nutrientes são efetivos na prevenção de doenças”, conclui Maffissoni.

Atualmente, a indústria possui uma linha com 11 nutracêuticos em comercialização no Brasil, compostos por multivitamínicos, ômega 3, óleo de coco, entre outros. “Atestamos a qualidade do início ao fim do processo produtivo, especialmente no que diz respeito às matérias-primas de alto padrão. Os produtos que vão para os EUA possuem qualidade acima dos padrões do mercado e seguem os mesmos critérios rigorosos que aplicamos em nossas linhas comercializadas no Brasil”, o executivo da Prati-Donaduzzi.

*IQVIA MAT Agosto/2018 PMB + NRC Doses Terapêuticas

Fonte: Prati-Donaduzzi

Foto: divulgação/Prati-Donaduzzi

 


Palavras-chave , , , ,
Mercado farmacêutico





Evento da Novartis sobre o câncer de mama

(Texto atualizado em 11/07/2019 às 03:14 pm)

IstockEvento da Novartis trouxe dados sobre o assunto e mostrou como farmacêuticos podem ajudar

Evento realizado hoje (25), pela Novartis, e que faz parte da campanha Outubro Rosa Choque, realizada pela empresa com foco em empoderar as pacientes, apontou que os dados sobre câncer de mama no País seguem alarmantes. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), mais de 57 mil novos casos da doença acontecem a cada dois anos no Brasil. Destes, 40% representam quadros avançados. 

Dados recentes de uma pesquisa do Instituto Oncoguia e divulgados no encontro pela presidente da entidade, Luciana Holtz, revelaram, por exemplo, que 29% das acometidas dizem conhecer muito pouco ou nada sobre o câncer de mama; 40% não fazem parte de grupos de apoio e afirmam conhecer pouco ou nada sobre a doença; e 33% não fazem parte de grupos de apoio e declararam não saber sobre o assunto. O mesmo levantamento mostrou, ainda, que 49% das mulheres tinham menos de 40 anos quando descobriram a metástase; 63% declararam não ter histórico familiar; e 35% reportaram descobrir a metástase junto com o primeiro diagnóstico de câncer de mama.O levantamento também indica que 20% das pacientes não fazem ideia de qual é seu subtipo de tumor.

Causas da metástase

Existem várias condições responsáveis pelo câncer de mama retornar e gerar metástase. A biologia e as características do tumor e o estágio em que ele se encontra no momento do diagnóstico são os principais fatores, podendo variar entre os acometidos. Apesar de hoje existirem tecnologias que possibilitam o tratamento do câncer de mama metastático, ainda existe um estigma muito grande, dificultando pacientes e familiares na hora de encarar o diagnóstico.

“Hoje, a denominação de câncer metastático já não descreve a doença de forma satisfatória. Existem vários subtipos de câncer e, quando identificamos as características específicas da patologia, conseguimos tratá-la controlando os sintomas, melhorando a qualidade de vida da paciente e oferecendo anos de sobrevida”, explica o chefe da Oncologia do Américas Oncologia em São Paulo, Dr. Raphael Brandão.

Segundo o médico, existem, ao menos, quatro grandes subtipos de câncer de mama. “Ao receber o diagnóstico de câncer de mama, paciente e médico precisam se unir e investigar todas as informações possíveis sobre a doença. Por exemplo, entender se o câncer tem componente hormonal (HR+) e características agressivas é fundamental para traçar uma estratégia com terapia-alvo”, exemplifica. Leia mais ›


Palavras-chave , , , , , , ,
Indústria farmacêutica





Revolução digital é realidade e não expectativa futura

(Texto atualizado em 27/03/2019 às 01:26 pm)

Indústria farmacêutica precisa utilizar os dados que têm em mãos de maneira estratégica, para antever necessidades que nem seus clientes sabem que têm

Por Gustavo Godoy

A era digital é agora e não uma realidade distante de um filme de ficção científico. Com um universo inteiro à distância de um clique, já mudamos o modo como consumimos, nos deslocamos, nos hospedamos e até como buscamos novos relacionamentos afetivos. Ainda assim, há quem resista à urgente necessidade de adaptação.

Enquanto os motoristas de táxi continuam esbravejando contra o Uber, o Aplicativo (app) e concorrentes semelhantes seguem ganhando adeptos, sem se abalar com os protestos. Cada setor, empresário ou executivo deve escolher a postura que terá diante de uma transformação digital já vigente. O que devemos fazer então? Fincar os pés nos tempos analógicos ou ser o agente da mudança que invariavelmente irá chegar? Leia mais ›


Palavras-chave , , , , , ,
Mercado farmacêutico





Fila na ANVISA para importação é reduzida pela metade

A Anvisa reduziu o passivo de pedidos de análise para licença de importação (LI) referentes a produtos para a saúde, alimentos, cosméticos e saneantes. De acordo com o órgão, o número de processos que aguardavam o início da avaliação técnica caiu de 13.905 para 6.868, em setembro deste ano. Isso representa uma queda de 50,6%, afirma a Gerência Geral de Portos, Aeroportos, Fronteiras e Recintos Alfandegados (GGPAF) da Anvisa.

Os dados referem-se ao passivo de petições de LI existente até o dia 19 de setembro, comparado com as informações do dia 20 de setembro — data que marca o início da adoção da estratégia da gestão de risco, estabelecida pela Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) 228, de maio deste ano. Portanto, o balanço refere-se a antes e depois da adoção dessa medida. Leia mais ›


Palavras-chave , , , , , ,
Mercado farmacêutico, ANVISA





Rede CVS é autorizada a fundir operação de farmácias com plano de saúde

(Texto atualizado em 04/12/2018 às 12:52 pm)

A CVS Health, uma das maiores redes de farmácias do mundo, consolidou sua fusão com a empresa de planos de saúde Aetna, nos Estados Unidos. A fusão movimenta 69 bilhões de dólares e foi aprovada pela justiça americana com algumas condições.

Para que se una à rede de farmácias, a Aetna será obrigada a abrir mão da parceria que tem com o governo americano para fornecer medicamentos ao Medicare, gerido pelo estado.

A CVS é a última grande varejista de medicamentos dos Estados Unidos a firmar acordo com planos de saúde. Em setembro, o Departamento de Justiça americano aprovou a fusão entre a seguradora Cigna e uma das maiores concorrentes da CVS, a Express Scripts.

O The New York Times destacou que a onda de fusões entre seguradoras e varejistas de medicamentos pode significar uma melhora no atendimento e reduzir o custo para as empresas. Por outro lado, há críticas relacionadas a um possível aumento no preço dos remédios com a concentração do mercado (e dos dados captados pelas empresas) na mão de poucos players. Leia mais ›


Palavras-chave , , , , , , , , ,
Mercado farmacêutico





Inteligência Artificial na gestão dos planos de saúde é lançada

(Texto atualizado em 28/11/2018 às 02:34 pm)

Black Friday tem promoções em farmácias, autoescolas e até funerárias no Sul de MG | Sul de MinasAs inovações tecnológicas vêm revolucionando o setor de saúde. De acordo com a previsão da Accenture Analysis, o mercado de inteligência artificial na saúde deve ultrapassar os 6,6 bilhões de dólares de investimentos em 2020, contra 600 milhões em 2014. As soluções tecnológicas que usam IA podem melhorar não apenas o atendimento aos pacientes, como também os processos de gestão. Pensando nisso, a Softplan, referência no país no desenvolvimento de softwares, vem investindo em aplicações para a saúde. A empresa criou o software Dictas, que utiliza inteligência artificial para otimizar os custos das operadoras de saúde e aumentar a eficácia dos serviços, ampliando os benefícios aos seus assistidos. O Dictas será lançado nacionalmente durante a Convenção Nacional da Unimed, evento que ocorre nesta semana, com a proposta de debater os desafios do setor de saúde. Leia mais ›


Palavras-chave , , , , , , , , , , , ,
Mercado farmacêutico





Seja bem-vindo(a) ao blog da M2Farma.

Neste espaço reunimos notícias sobre assuntos regulatórios e o varejo farmacêutico.

Nosso trabalho é facilitar a burocracia técnica, saiba mais.

Siga-nos:

📫 Receba por e-mail

Receba as últimas notícias sobre varejo farmacêutico, ANVISA, Farmácia Popular e Convênios PBM direto no seu e-mail:





📬 Receba as últimas notícias sobre o varejo farmacêutico, Farmácia Popular, ANVISA, convênios PBM e mais: