Verificado: Presidente Temer não acabou com o Farmácia Popular

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

(Texto atualizado em 01/06/2018 às 04:55 pm)

Fact check, é mentira ou verdade? Temer ‘oficializa fim do projeto Farmácia Popular’?

Circula no Facebook a “notícia” de que o governo de Michel Temer teria oficializado o encerramento do programa que distribui medicamentos em farmácias credenciadas, o Farmácia Popular. A Lupa foi conferir a origem dessa história. Veja abaixo o resultado da pesquisa sobre o Farmacia Popular ter sido terminado pelo presidente Temer.

O título de postagem no Facebook feita pelo site Jornal GGN no dia 22 de maio teve mais de 17 mil interações no em 48 horas: “Temer oficializa fim do projeto Farmácia Popular”.

Após pesquisa junto aos órgãos responsáveis pelo programa, foi confirmado:

A NOTÍCIA SOBRE O FIM DO FARMÁCIA POPULAR É FALSA

Veja porque é falso:

Em primeiro lugar, vale destacar que a “notícia” em questão foi postada na última terça-feira dia 22 de maio de 2018, mas usa como fonte uma reportagem que foi publicada pelo site Brasil247 há um ano (em 11 de maio de 2017).

Lupa procurou o Ministério da Saúde (MS), e a pasta negou o ‘fim do projeto’. Em nota, informou que houve um remanejamento de recursos e que, em 2017, 393 unidades próprias do governo, ou seja pontos mantidos por ele dentro do programa Farmácia Popular, de fato foram fechadas – como mostrava a reportagem do Brasil247. Esta seria, segundo a pasta, a razão ou a origem da “notícia” desta semana anunciando o encerramento do programa.

Segundo o Portal da Transparência do Governo Federal, em 2016 foram gastos R$ 2,9 bilhões nas duas rubricas destinadas à ação. Em 2017, foram R$ 2,8 bilhões. Para este ano, o orçamento previsto é de R$ 3,04 bilhões. Esse total inclui R$ 523,8 milhões para o “sistema de co-pagamento” e R$ 2,5 bilhões para o “sistema de gratuidade” do programa Farmácia Popular. Essas duas linhas também estavam presentes nos orçamentos de 2016 e 2017.

O programa Farmácia Popular segue, portanto, funcionando e com orçamento. Hoje (24/05/18), segundo o ministério, o Farmácia Popular está presente em mais de 31 mil drogarias credenciadas em 4.342 municípios. Ao todo, são disponibilizados 42 produtos, sendo que 26 deles gratuitamente. O restante tem descontos que chegam a 90%.

*Nota: esta checagem faz parte do projeto de verificação de notícias no Facebook. 

Fonte: Lupa

Qual sua opinião? Deixe seu comentário:



Palavras-chave , , ,
Farmácia Popular

📬 Receba as últimas notícias sobre o varejo farmacêutico, Farmácia Popular, ANVISA, convênios PBM e mais: