Venda de medicamentos cresce 62% pela internet, revela pesquisa

Compartilhe:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

compra-de-produtos-farmacêuticos-internetSegundo levantamento, a procura por tiras de testes de diabetes é o primeiro da lista dos mais procurados em 2014.

A compra de produtos pela internet facilita a vida de muitos brasileiros na hora de cuidar da saúde.

O comércio online de medicamentos cresceu 62% em 2014.

A caixa de tiras reagente com 50 unidades, que é utilizada para fazer testes de glicemia, apresentou um crescimento de 10% no ano e encabeça a lista dos mais procurados pela internet. De acordo com levantamento, outro item muito vendido nas drogarias virtuais é a caixa com 60 cápsulas que auxilia na queda excessiva de cabelos.

A pesquisa também levou em consideração as regiões que mais compram medicamentos via internet; São Paulo (1ª), Rio de Janeiro (2ª), Minas Gerais (3ª) e o Rio Grande do Sul (4ª).

As vendas de medicamentos pela internet têm crescido no País, pois a compra online proporciona ao cliente comodidade e evita possíveis constrangimento.

Ranking dos medicamentos mais vendidos pela internet.

1 Tiras reagente caixa 50 unid. 10%
2 Inneov Nutri Care 60 cápsulas 10%
3 Souvenaid baunilha 1 cluster de 4 unidades 8%
4 Respifor morango 4 unidades frasco c/ 125ml 7%
5 Compressa de gaze 13 fios 7%
6 Enfamil premium 2 lata 900g 7%
7 Bepantol baby max tubo com 60g 7%
8 Fortini 400g sabor baunilha 6%

Fonte: Jornal do Dia

Qual sua opinião? Deixe seu comentário:



Palavras-chave , , ,
Mercado farmacêutico
0
Conectando
Por favor, aguarde...
Como podemos ajudar?

Envie uma mensagem com sua dúvida, logo retornaremos para você:

* Nome
* E-mail
Telefone
* Mensagem
Atendimento on-line

Como podemos ajudar?

Estamos on-line, fique à vontade para iniciar uma conversa com a M2Farma.

* Nome
* Email
Telefone
* Mensagem
Atendimento on-line
Feedback

Help us help you better! Feel free to leave us any additional feedback.

How do you rate our support?

📬 Receba as últimas notícias sobre o varejo farmacêutico, Farmácia Popular, ANVISA, convênios PBM e mais: